segunda-feira, 3 de março de 2008

Forte de São João: 5 anos de Casamento!




Foi em grande a comemoração de 5 anos de casamento religioso!

No domingo dia 02.03 fomos comemorar esta grande data.
Na realidade fomos já no dia 01.03.

De surpresa, marquei a hospedagem no Hotel Forte de São João, onde passamos a nossa noite de núpcias.
http://forte.com.pt/
O Jorge não sabia para onde estava indo, foi mesmo uma surpresa.

O Hotel fica dentro do Forte, é muito charmoso, na beira da praia em Vila do Conde.
Chegamos as 15hs de sábado, fomos deixar as malas e depois apreciar a paisagem nas muralhas do Forte.

A tarde estava espectacular, o sol, o mar e nós dois.
No final da tarde fui desafiada a uma partida de mini-golfe, quem ganhasse pagava o jantar.

Claro que dei um jeito de perder!
Mas até que não fiz feio.
Depois fomos para o Forte, para preparar para o jantar.
Lancei a idéia de irmos até o Casino da Póvoa jantar.
E assim fomos.

Na chegada fomos informados o jantar era um "festival de lampreia"(1), confeccionada das mais variadas maneiras, com show de jazz da "Jacinta".
Mesmo sem ter reservado, conseguimos lugar. Lá fomos, bem animados.
No preço estava tudo incluído, os aperitivos, o buffet, as bebidas, sobremesas, digestivos e o show.

Começamos pelos aperitivos, champagne, canapés, isso ainda no hall do Casino.
Quando chegamos no salão principal, os participantes, todos da terceira idade, já estavam a ser servidos.

Nessa altura pedi um vinho verde, o Jorge uma cerveja e fomos nos ambientando.
Fomos nos servir, claro que diante de tantas opções exagerei na dose.
Não satisfeita, servi-me pela segunda vez.
Depois a sobremesa, o café...
Nesta altura já comecei a passar mal, estava enfarada de tanta comida. E pensei...
Isto não vai certo, passei da conta, estraguei a nossa noite.
Aquela sensação de mal estar foi aumentando, muito.
Disse ao Jorge: - Vou vomitar.
Correndo fui para o banheiro e foi o tempo certo de chegar e deitar a lampreiada toda fora.

Fiquei nova, voltei e ainda consegui beber um Bayles e assistir o show da Jacinta.
Depois voltamos ao Forte de São João e a noite foi de muito carinho e amor.
Na manhã seguinte, pedimos o café na suíte e ficamos na cama até ao meio-dia.
E assim comemoramos em grande, os nossos 5 anos de casados.

Obrigado, Jorge por existires, formamos uma família feliz, saudável e muito amada.
Te amo!


(1) As lampreias ou lampréias são peixes de água doce ou anádromas com forma de enguias, mas sem maxilas. Algumas espécies de lampreias são usadas como alimento. No sul da Europa, sobretudo em Portugal, Espanha e França, a lampreia é tida por iguaria requintada, sendo vendida nos restaurantes a preços muito elevados. Em Portugal, a lampreia é comida sobretudo em arroz de lampreia, com uma confecção próxima da cabidela, e à bordalesa, um guisado normalmente acompanhado de arroz. Alguns restaurantes e casas fazem-na também assada no espeto. A lampreia é comida de finais de Janeiro a meados de Abril.

Fica aqui uma versão de Jacinta de uma canção de Zeca Afonso.

2 comentários:

mutantismos disse...

parabéns, queridos amigos d'além mar. muitas felicidades e muitas noites de núpcias ainda virão para alegrar a vida de vocês. tirando a parte do "bota-fora", tudo pareceu um conto de fadas... eu excluiria essa parte do text, val. nem sempre precisas ser tão sincera.

mil beijos.
felicidades.
raul.

Minhas vidas disse...

Pois querido, sabes que sou assim, muito transparente.
Obrigado pelos parabéns!
Quando vens nos visitar?
Estamos com saudades.
Beijos
Val