terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

Vila Nova de Cerveira - Gondarem



Neste final de semana fomos a uma Estalagem em Gondarem http://www.estalagemboega.com

Um lugar lindíssimo, a margem esquerda do rio Minho, onde estão também as ilhas da Boega e dos Amores, marcas de beleza do Alto Minho, até ao cimo dos montes de Goios e Pena. Estes montes abrigam as suas populações que desde sempre aí se estabeleceram.

A Freguesia de Gondarém, prima pela sua fertilidade agrícola e talvez seja por isso, uma das mais das mais populosas do concelho de Vila Nova de Cerveira.

Chegamos na sexta-feira e ficamos até domingo final da tarde, passeamos no ferry-boat que liga a Goyan (Espanha), o Monte de Nossa Senhora da Encarnação e o Convento de S. Paio, dos Milagres, cenóbio de frades, hoje, centro de artistas e casa de eleição do escultor José Rodrigues.

A lenda fala que era uma vez … um cervo (veado), que os Deuses do Olimpo quiseram que fosse Rei. Escolheu estas terras outrora desabitadas do "bicho" homem e aqui plantou sua colónia de cervos de tal modo que nas redondezas toda a gente passou a chamar a estes lugares "terras de cervaria". Muitos anos correram. Lutas e refregas, calamidades que foram dizimando a colónia, até que ficou só o Rei Cervo.

Quando os Senhores de pendão e caldeira desceram dos cerros asturianos à conquista do que seria mais tarde o "Condado Portucalense", um jovem fidalgo desafiou o Rei Cervo para uma luta frente e frente. A luta seria travada entre arvoredos e ervas daninhas e num local onde existiam pequenas valas no lugar de Valinha.

O Rei Cervo venceu !

Ainda hoje e para que a lenda não se perdesse, as "armas" de Vila Nova de Cerveira têm um cervo em campo verde, e também, no cimo dos montes mandou-se construir "in memoriam" o Rei Cervo, que numa notável escultura em ferro, de José Rodrigues, atesta a longevidade das "Terras de Cervaria".

Foi um final de semana fantástico, o Pedro adorou e nós também!

3 comentários:

GatoZarolho disse...

A estalagem é fantastica e a zona tambem, liiinda! Estive la recentemente num fim de semana destes...

Minhas vidas disse...

Pois, este lugar é muito inspirador mesmo.
Já ando com saudades tuas...
Quando me convidas para um chá no "puxadinho"?
Beijos

Fernanda disse...

Amiga,

Também sou do Porto mas vivo em Cerveira há já 18 anos.
Minha terra adoptada, terra amada.

Adorei ler o texto, está perfeito.

Espero que não fique só por essa visita!
Cerveira é linda.
Veja mais fotos num dos Maus Blogues.